Competição entrou de vez para o calendário do automobilismo nacional,
atraindo jovens pilotos, estreantes e experientes para a disputa

Apresentando um conceito exclusivo de competição, a Sprint Race vem atraindo cada vez mais apaixonados por automobilismo para a disputa do campeonato que está em sua terceira temporada. Com oito etapas previstas para este ano, a Sprint Race terá sua primeira corrida a ser realizada no dia 27 de abril, em São Paulo, no Autódromo de Interlagos.

Enquanto alguns pilotos inscritos farão sua estreia na prova, outros se consideram ‘veteranos’ já que fazem parte da história do campeonato participando de todas as etapas desde a primeira temporada. Animados, os mais experientes como Gustavo Trunci, Marco Garcia, Marcelo Rodriguez (na categoria em 2012 e 2013), Caito Vianna e Eduardo Serratto, comemoram a evolução do campeonato, que contará este ano com a novidade, tendo o motor V6 em todos os carros.

É o caso do apaixonado por automobilismo Eduardo Serrato, o empresário de 37 anos encontrou na Sprint Race uma forma de se divertir, sem deixar o espírito competitivo de lado. Ansioso, o piloto espera brigar por vitórias nesta temporada. "Com a divisão das categorias vou poder andar com adversários na mesma condição que eu. Acredito que posso ganhar corridas e até brigar pelo campeonato", disse Serrato que segue a preparação nesta pré-temporada com treinos semanais de kart.

O também empresário, Caito Vianna, de 41 anos, é só elogios a Sprint Race e aposta em uma forte temporada para a categoria, onde se considera um dos fundadores, por estar competindo desde sua criação. "Estou em minha terceira temporada, já me considero um dos fundadores", brincou. Apesar da ansiedade por voltar a competir, Caito se diz empolgado com as novidades da temporada. "O motor mais forte, com cerca de 260 cv dará mais esportividade ao pilotar", explicou.

Para Caito a chegada de novos pilotos é um estimulo para deixar as prova ainda melhor. "A entrada de novos pilotos sempre aumenta o desafio. A Sprint Race se fortaleceu como uma categoria de base, isso atrai os jovens pilotos e nos traz um incentivo a mais para continuar na disputa", analisou o piloto que espera um carro mais ‘agressivo’ este ano, e que exigirá mais do condicionamento físico dos pilotos. "Estou até negociando com patrocinadores do ramo fitness, já que com certeza exigirá também um empenho extra na preparação física".

Após passar pelas principais competições nacionais como Stock Car, Mercedes-Benz Grand Challenge e Brasileiro de GT, Caito diz ter se encontrado na Sprint Race. "É sem dúvida a categoria mais competitiva, equalizada e acessível do automobilismo nacional", e completa. "O que me fez optar por permanecer na categoria é o comprometimento da família Marques, em especial do proprietário da categoria, o Thiago Marques, que além de oferecer um carro altamente competitivo, está sempre aberto para sugestões e críticas para fortalecer a categoria como um todo. Por isso chamamos os integrantes de Família Sprint Race", concluiu.

Para competir, o piloto precisa apresentar apenas seu equipamento pessoal e recebe a preparação de um legítimo carro de competição com o mais alto padrão de qualidade, performance e segurança.

Sistema de Disputa

Em 2014 o sistema de disputa da Sprint Race permanece o mesmo, com 16 corridas que acontecem em oito datas diferentes, com 25 minutos de prova, onde cada carro pode ser representado por um ou dois pilotos. No caso das duplas, cada piloto terá o mesmo tempo de treinos e corridas. A premiação será do primeiro ao quinto lugar, sendo que em cada etapa o vencedor recebe um prêmio.

A Sprint Race tem patrocínio da Alpina, Fremax, Pirelli, Ecopads, Bardhal e Valeo.

Calendário da Sprint Race 2014:

04/04 – Treino Coletivo – Curitiba/PR
27/04 – 1ª etapa – São Paulo/SP
18/05 – 2ª etapa – Santa Cruz do Sul/RS
22/06 – 3ª etapa – São Paulo/SP
03/08 – 4ª etapa – Cascavel/PR

24/08 – 5ª etapa – Curitiba/PR
21/09 – 6ª etapa – Londrina/PR
09/11 – 7ª etapa – Curitiba/PR (oval)
07/12 – 8ª etapa – Curitiba/PR